Obra do Batista Caribé já deveria estar pronta

Obra do Batista Caribé já deveria estar pronta

hospital-geral-joao-batista-caribe-300x225

Ao concluir a nossa gestão na Secretaria de Saúde do Estado da Bahia, em janeiro de 2014, deixamos aprovada a importante captação de recursos junto ao Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) de US$ 200 milhões (R$ 640 milhões) para construção e reforma de unidades de saúde na Região Metropolitana de Salvador, o Programa PROSUS. Entre as obras previstas com projeto finalizado, estava a do Hospital da Mulher, materno-infantil, a ser implantado onde hoje funciona o Hospital João Batista Caribé.

Na reestruturação planejada, o Hospital São Jorge, no Largo de Roma – com reforma e ampliação realizadas com recursos captados junto ao Ministério da Saúde – assumiria e ampliaria a capacidade de atendimento da demanda de urgência e emergência e hospital-dia hoje direcionada ao Batista Caribé.

A atual gestão optou por modificar o planejamento inicial, transferindo o projeto do Hospital da Mulher para onde hoje funciona o Hospital São Jorge, sem no entanto fortalecer o Batista Caribé, que infelizmente sofre com cortes em pessoal e recursos para custeio.

Como defensor da ampliação da oferta de serviços do SUS e tendo realizado a maior expansão que a região do Subúrbio de Salvador registrou em sua história com o Hospital do Subúrbio, me solidarizo com a população e os profissionais que cobram o fortalecimento do Batista Caribé com a aplicação imediata dos recursos captados junto ao BID para reforma e equipamentos, reposição do quadro de recursos humanos e repasse dos valores financeiros necessários para o adequado custeio deste hospital.

Subúrbio News

Notícias