CLASSE ARTÍSTICA DE FEIRA COBRA POSICIONAMENTO DA CÂMARA PARA APROVAÇÃO DO PLANO MUNICIPAL DE CULTURA

Ontem (19), durante a manhã, na Câmara de Vereadores artistas e agentes culturais de setores diversos compareceram para cobrar um posicionamento da presidência e demais vereadores presentes quanto a situação do Plano Municipal de Cultura que ainda não saiu da fase da discussão.
O Plano de Cultura, escrito há 2 anos e meio em conjuto com a sociedade civil ainda na gestão do ex-secretário de Cultura, Esporte e Lazer – Jailton Batista, vem sofrendo descaso por parte do executivo e do legislativo muncipal deixando o assuntoem banho maria. Vale ressaltar que o Plano propõe uma série de ações a âmbito social, cultural e econômico, com noções de transparência e democracia, a serem implantadas pela gestão municipal num horizonte de 10 anos. Apesar da mobilização da classe que possui organizado um Fórum Permanente de Cultura que vem realizando debates, abaixo-assinado e moções de repúdio ainda permance o descaso com a cultura em Feira de Santana. É importante entender que a sociedade civil, composta pelos agentes culturais locais permanecerá organizada e atuante independente do desgaste que nos está sendo imposto.

 

Notícias